CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS

Campeão em 2012, Fluminense cai para a 2ª divisão

Tricolor carioca vence por 2 a 1 o Bahia, mas não soma pontos suficientes. Coritiba venceu o são Paulo por 1 a 0 e se manteve na 1ª divisão

Por Da Redação Atualizado em 7 out 2021, 00h44 - Publicado em 8 dez 2013, 18h05

Um ano depois de ser campeão brasileiro, o Fluminense foi rebaixado neste domingo para a série B do Campeonato Brasileiro. O tricolor estava em antepenúltimo lugar na classificação, à frente apenas do Náutico e da Ponte Preta, que começaram a rodada já rebaixados, e só poderia se manter na série A com um resultado negativo do Coritiba, que venceu o São Paulo por 1 a 0, em Itu (SP).

O Fluminense venceu o Bahia por 2 a 1 na Fonte Nova, em Salvador (BA) e subiu apenas uma posição na tabela. Os três pontos, no entanto, não foram suficientes para tirar o time da 18ª colocação, com 46 pontos. Os cariocas fizeram um jogo de desespero contra um adversário que apenas queria se despedir do campeonato com vitória diante da sua torcida. O time baiano, com a derrota em casa, encerrou sua participação com 48 pontos somados.

Livre de qualquer risco de rebaixamento, o Bahia entrou em campo mais tranquilo e se mostrou superior durante o primeiro tempo: ameaçou o gol adversário, parando quase sempre no goleiro Diego Cavalieri. Mas, já aos 42 minutos, não teve jeito de o Fluminense se livrar: depois de receber passe de Marquinhos, Willian Barbio abriu o placar para o time baiano.

O Bahia não voltou com a mesma postura no segundo tempo, e o Fluminense aproveitou. Num cochilo da defesa adversária, o time carioca empatou aos 10 minutos, com gol de Wagner. Depois, já aos 37 minutos, Samuel conseguiu a virada. Mas, como o Coritiba já tinha vencido o São Paulo, de nada adiantou a vitória do time carioca.

FICHA TÉCNICA:

BAHIA 1 X 2 FLUMINENSE

BAHIA – Marcelo Lombra; Fabrício Lusa, Demerson, Titi (Feijão) e Raul; Fahel, Rafael Miranda, Anderson Talisca e Marquinhos (Diones); Fernandão e Willian Barbio. Técnico: Cristóvão Borges.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

FLUMINENSE – Diego Cavalieri; Igor Julião (Samuel), Gum, Leandro Euzébio e Wellington Silva; Edinho, Jean e Wagner; Biro Biro (Rafinha), Rafael Sóbis e Kenedy (Robert). Técnico: Dorival Júnior.

GOLS – Willian Barbio, aos 42 minutos do primeiro tempo; Wagner, aos 10, e Samuel, aos 37 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO – Leandro Pedro Vuaden (RS).

CARTÕES AMARELOS – Igor Julião e Anderson Talisca.

RENDA – R$ 732.290,00.

PÚBLICO – 40.249 pessoas.

LOCAL – Arena Fonte Nova, Salvador (BA).

(Com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade