CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 12,90/MÊS

Brasileiros na Libertadores: fracasso e recorde negativo

Pela primeira vez sob formato atual, três times do país caem já na fase inicial

Por Da Redação Atualizado em 6 out 2021, 20h38 - Publicado em 10 abr 2014, 10h12

As eliminações de Flamengo, Botafogo e Atlético-PR na primeira fase da Libertadores representaram mais do que um vexame para o país que detém as últimas quatro edições do torneio continental: pela primeira vez, desde que o atual formato foi adotado – em 2000 – o Brasil teve três equipes eliminadas logo de cara. Esta também foi a primeira vez que as fases finais não contam com um time paulista ou carioca. Menos mal para Cruzeiro, Grêmio e Atlético-MG, que confirmaram o favoritismo inicial e avançaram às oitavas – ainda que, no caso dos atuais campeões brasileiros, com mais dificuldade do que o esperado.

Leia também:

Cruzeiro salva a noite brasileira na Libertadores; Botafogo e Flamengo são eliminados

Adriano marca, mas Atlético-PR é eliminado da Libertadores

Esta, no entanto, foi a segunda vez que metade dos clubes brasileiros deram adeus precocemente: em 2002, dos quatro representantes nacionais, apenas São Caetano e Grêmio avançaram, enquanto Flamengo e Atlético-PR – novamente – fracassaram. O clube carioca, inclusive, é o recordista de vexames entre as equipes brasileiras, com três eliminações na primeira fase. O Corinthians, no entanto, foi quem passou o maior constrangimento: foi o único clube brasileiro a ser eliminado na fase pré-Libertadores, em 2011, diante do Tolima, da Colômbia, na última partida da carreira de Ronaldo.

Brasileiros eliminados na primeira fase da Libertadores

2000 – Juventude

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

2002 – Atlético-PR, Flamengo

2004 – Coritiba

2005 – Santo André

2006 – Paulista de Jundiaí

2007 – Inter

2011 – Corinthians (Pré-Libertadores)

2012 – Flamengo

2014 – Atlético-PR, Botafogo e Flamengo

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Impressa + Digital no App

a partir de R$ 12,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital no App

a partir de R$ 9,90/mês