CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS

Beckham quer levar Cristiano Ronaldo para jogar nos EUA

Ex-jogador inglês criou time de futebol para disputar principal liga americana

Por Da Redação Atualizado em 6 out 2021, 22h22 - Publicado em 17 fev 2014, 16h51

David Beckham quer levar o melhor jogador do mundo, o português Cristiano Ronaldo, para os Estados Unidos. Segundo informações do jornal britânico The Sun, Beckham, que comprou uma franquia na Major League Soccer (MLS) – principal liga americana de futebol -, quer fortalecer o esporte nos EUA com a contratação de grandes craques.

Leia também:

Beckham confirma criação de time: ‘�Traremos os grandes’

Brasileiro ‘dribla’ Beckham e coloca time na elite dos EUA

LeBron e Beckham podem ser sócios em equipe de futebol

Filho de Beckham treina e pode jogar no Manchester United

“Beckham sabe que precisa de um grande nome, um grande astro para lançar sua equipe. Não há nome maior que Cristiano Ronaldo, o melhor do mundo. Como Ronaldo adora a América e ele pensa em terminar a carreira aqui, logo, este poderá ser um acordo perfeito”, disse uma fonte ao The Sun. O novo time de Beckham, com sede em Miami, só poderá estrear na MLS em 2017.

Leia também:

Cristiano Ronaldo vence a Bola de Ouro da Fifa – e chora

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Seleção da Uefa fica sem Messi. Mas tem Thiago Silva

Cristiano Ronaldo comemora prêmio com colegas no Real

Felipão: ‘Cristiano Ronaldo bate recordes todos os anos’

Nas últimas temporadas, o Real Madrid disputou amistosos de pré-temporada nos Estados Unidos e em uma viagem Cristiano Ronaldo elogiou a estrutura americana e afirmou que Beckham, na época no Los Angeles Galaxy, estava no lugar certo. “É um país fantástico. A mentalidade das pessoas e as condições de trabalho são ótimas. Penso que o futebol aqui pode ser melhor e gostaria de ajudar. Os americanos estão em um bom caminho e espero jogar aqui um dia”, declarou Cristiano Ronaldo na ocasião.

(Com agência Gazeta Press)

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade