Clique e receba em casa a partir de R$ 14,90/mês

Barça, Bayern, PSG e Chelsea tentam vaga já nesta quarta

Depois de Real e Borussia, outros gigantes podem se garantir na próxima fase

Por Da Redação Atualizado em 6 out 2021, 11h19 - Publicado em 5 nov 2014, 07h04

Os jogos desta quarta

Grupo E

Bayern x Roma, em Munique

Man. City x CSKA, em Manchester

Grupo F

PSG x Apoel, em Paris

Ajax x Barcelona, em Amsterdã

Grupo G

Maribor x Chelsea, em Maribor

Sporting x Schalke, em Lisboa

Grupo H

Shakhtar x Bate, em Lviv

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

Athletic Bilbao x Porto, em Bilbao

Depois de Real Madrid, campeão em 2014, e Borussia Dortmund, vice em 2013, outros cinco grandes clubes europeus vão a campo nesta quarta-feira para tentar uma classificação antecipada às oitavas de final da Liga dos Campeões. Bayern de Munique, Paris Saint-Germain, Chelsea e Porto podem avançar já na quarta rodada da fase de grupos caso vençam seus compromissos nesta rodada. Outro destaque desta quarta é o Manchester City, atual campeão inglês, que precisa de uma vitória em casa para seguir vivo na competição. Depois de amargar duas derrotas seguidas no Campeonato Espanhol, o que não acontecia havia cinco anos, o Barça tentará se redimir na Holanda, contra o Ajax, numa partida que pode afastar a crise do clube. Todos os duelos desta quarta estão marcados para as 17h45 (de Brasília).

Grupo E – O maior feito desta edição da Liga dos Campeões foi a goleada humilhante de 7 a 1 do Bayern em pleno estádio Olímpico de Roma, um massacre que lembrou o vexame da seleção brasileira na semifinal da Copa do Mundo. Mas a Roma não pensa em vingança: sabendo de suas limitações, o técnico do time italiano, Rudi Garcia, já deixou claro que o empate seria “um ótimo resultado”. O atual bicampeão alemão garante que não se deixa levar pela euforia da torcida e encara o novo duelo com os italianos com cautela, mesmo jogando em Munique. O Bayern, que tem 100% de aproveitamento na competição, garante a classificação para as oitavas se conseguir seu quarto triunfo no torneio, mas pode até se classificar com derrota caso o Manchester City perca para o CSKA na outra partida da chave. Com apenas dois pontos em três rodadas, o campeão inglês ainda não venceu, mas pode se recuperar nesta quarta – se vencer, pode ficar em segundo lugar na classificação caso o Bayern confirme seu favoritismo na Alemanha. O time inglês chega embalado, já que derrotou o arquirrival United no clássico de domingo.

Grupo F – A situação na chave é simples: se Paris Saint-Germain e Barcelona vencerem seus duelos com Apoel e Ajax, respectivamente, ambos se classificam para a próxima fase. Além de buscar a vaga para as oitavas, o Barça precisa de uma boa apresentação na Holanda para reconquistar a confiança, depois das duas derrotas seguidas sofridas no Campeonato Espanhol, diante de Real Madrid (3 a 1) e Celta de Vigo (1 a 0). Para isso, o técnico Luis Enrique poderá contar com Luis Suárez, que fez sua estreia em jogos oficiais há dez dias, na derrota no clássico espanhol. Por coincidência, o atacante uruguaio disputará sua primeira partida internacional com a camisa do clube catalão justamente contra o Ajax, clube que o revelou no cenário europeu. Já o PSG recebe no Parque dos Príncipes o Apoel, que sofreu para derrotar por 1 a 0 no Chipre. O clube parisiense vem fazendo uma temporada irregular, mas continua invicto, tanto no Campeonato Campeonato Francês como no torneio continental. Fora dos gramados há seis semanas, o astro sueco Zlatan Ibrahimovic continua sendo um desfalque importante (ele pode voltar aos gramados no clássico francês contra o Olympique de Marselha, no fim de semana).

Leia também:

Cristiano Ronaldo não marca, mas Real vence e se classifica

United cogita torrar R$ 5 milhões para se livrar de brasileiro​

Jogadores se irritaram com técnico do Barcelona, diz jornal

Grupo G – Líder invicto da Premier League, o Chelsea também caminha com tranquilidade rumo à classificação para as oitavas da Champions. Os londrinos voltam a enfrentar o modesto Maribor, desta vez na Eslovênia, duas semanas depois de uma goleada sobre a mesma equipe em Stamford Bridge, 6 a 0. Uma vitória basta para garantir a vaga, desde que o Sporting de Lisboa não derrote o Schalke 04 na outra partida da chave. Por causa dos problemas físicos do brasileiro naturalizado espanhol Diego Costa, é possível que o técnico José Mourinho opte por escalar Loic Rémy ou Didier Drogba no comando do ataque. Autor de um golaço na vitória por 2 a 1 sobre o Queens Park Rangers, no último sábado, Oscar será mais uma vez um dos principais articuladores de jogadas da equipe inglesa, ao lado do espanhol Cesc Fábregas. Enquanto isso, em Lisboa, o Sporting tentará ganhar uma sobrevida na competição e vingar a derrota por 4 a 3 que sofreu na Alemanha, com um pênalti polêmico nos minutos finais.

Grupo H – Convocado pela primeira vez para a seleção do técnico Dunga logo depois da partida histórica em que marcou cinco gols pelo Shakhtar contra o Bate Borisov, no mês passado, Luiz Adriano tentará se consolidar na artilharia da principal competição interclubes do mundo nesta quarta. O ex-atacante do Internacional já soma seis gols, à frente do francês Karim Benzema, do Real Madrid. Se o time ucraniano conseguiu marcar sete gols na Bielorrússia, a expectativa é de mais uma goleada do Shakhtar, desta vez diante da sua torcida, mesmo não podendo jogar, de fato, em casa – o clube que tem um elenco cheio de brasileiros manda seus jogos em Lviv, a mais de mil quilômetros de Donetsk, em razão do conflito no leste da Ucrânia. Líder isolado da chave, com sete pontos, dois de vantagem sobre o time ucraniano, o Porto tem condições de garantir a classificação para as oitavas com duas rodadas de antecedência se vencer o lanterna Athletic Bilbao no país basco. Para isso, também precisa torcer para que o Shakhtar vença o Bate Borisov.

(Com agência France-Presse)

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade
Publicidade