ASSINE PLACAR DIGITAL NO APP POR APENAS R$ 6,90/MÊS

Antes de cair, Jorginho lamentou fase e admitiu dificuldades

Desta vez o Atlético Paranaense não deixou a poeira abaixar após a derrota pra o São Caetano, em casa, pela Série B do Campeonato Brasileiro, e anunciou a demissão do técnico Jorginho. Antes de ter sua queda anunciada pela diretoria, o treinador havia lamentado o momento que o time atravessa. ‘Infelizmente isso é bem claro. […]

Por Da Redação Atualizado em 8 out 2021, 17h36 - Publicado em 4 ago 2012, 20h43

Desta vez o Atlético Paranaense não deixou a poeira abaixar após a derrota pra o São Caetano, em casa, pela Série B do Campeonato Brasileiro, e anunciou a demissão do técnico Jorginho. Antes de ter sua queda anunciada pela diretoria, o treinador havia lamentado o momento que o time atravessa.

‘Infelizmente isso é bem claro. Você tenta, tenta, os caras não chegam ao gol, nossa bola corre na linha e não entra. Os caras vão numa bola pretensiosa e conseguem’, avaliou o agora ex-comandante rubro-negro, que , mesmo com todas as tentativas de mudança, não viu a resposta desejada em campo. ‘São seres humanos. Tem que lutar para reverter. Com três zagueiros deu problema, com três volantes deu problema, com três atacantes deu problemas. Fica difícil’, ponderou.

Jorginho chegou a concordar com as declarações do presidente Mário Celso Petraglia, que durante a semana afirmou que o Furacão perdeu o costume de disputar a Série B e dificilmente voltaria nesta temporada para a primeira divisão. ‘O presidente tem razão. Não é fácil e ele sabe disso. Não é fácil montar uma equipe com tempo, imagine sem tempo. O torcedor também sabe. Estamos aqui doentes, com coração partido, querendo mudar. Mas não pode parar de querer’, concluiu.

Com apenas oito partidas no comando do time, o treinador conquistou quatro vitórias, um empate e quatro derrotas, mantendo a instabilidade da equipe na competição. Nesse período, indicou algumas contratações para a diretoria, especialmente de atletas que trabalharam com ele em outros times. Foi atendido em parte, mas não terá a chance de montar sua equipe ideal.

Diretoria promete novo técnico para breve – O vice-presidente de futebol do Atlético Paranaense, João Alfredo, afirmou que o trabalho de Jorginho não funcionou no clube e prometeu novidade para breve. ‘O trabalho não estava dando certo, apesar de ele ser um grande profissional, então tivemos que mudar. Nem sempre o planejamento dá certo e temos que buscar novas soluções. Muito em breve, pretendemos anunciar o novo treinador da equipe’, garantiu, sem citar nomes ou prazos concretos.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade