ASSINE PLACAR DIGITAL NO APP POR APENAS R$ 6,90/MÊS

Americano recebe vitória contra indiano após revisão de resultado

A edição 2012 dos Jogos Olímpicos apresenta mais um momento polêmico. Na noite desta sexta-feira, a organização do evento confirmou a mudança de um resultado no boxe masculino após uma revisão cuidadosa da disputa. No combate válido pelas oitavas de final da categoria até 69kg, o indiano Krishan Vikas havia vencido o norte-americano Errol Spence […]

Por Da Redação Atualizado em 8 out 2021, 21h48 - Publicado em 4 ago 2012, 05h38

A edição 2012 dos Jogos Olímpicos apresenta mais um momento polêmico. Na noite desta sexta-feira, a organização do evento confirmou a mudança de um resultado no boxe masculino após uma revisão cuidadosa da disputa.

No combate válido pelas oitavas de final da categoria até 69kg, o indiano Krishan Vikas havia vencido o norte-americano Errol Spence por 13 a 11. Porém, após uma nova análise da luta, o representante dos Estados Unidos foi declarado vencedor por 15 a 13.

A justificativa da mudança esteve na postura de Krishan Vikas no último round. Os organizadores consideraram que o indiano deveria ser punido pelo excesso de faltas.

Anteriormente, o torneio olímpico de boxe apresentou outra modificação de resultado pela organização. Após reclamação da Federação Japonesa, Satoshi Shimizu recebeu a vitória na luta contra Magomed Abdulhamidov, do Ajerbaijão. Durante o combate, o asiático havia derrubado o rival em seis oportunidades.

As discussões sobre arbitragem também fizeram parte da rotina de outras modalidades. O caso mais famoso esteve na esgrima, no combate em que a sul-coreana Lan Shin acabou eliminada pela alemã Britta Heidemann ao sofrer um ponto no último segundo. Os asiáticos também fizeram um protesto, mas, neste caso, não houve mudança do resultado.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade