CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 12,90/MÊS

Petraglia diz que Athletico-PR já é maior que Santos: ‘Passamos de trator’

Durante apresentação do volante Fernandinho, dirigente distribuiu críticas a clubes do país, principalmente ao Peixe, a quem julga ser inferior ao Furacão

Por Da redação Atualizado em 27 jun 2022, 18h52 - Publicado em 27 jun 2022, 18h45

O presidente do Athletico-PR, Mario Celso Petraglia, roubou os holofotes durante a entrevista do volante Fernandinho, apresentado nesta segunda-feira, 27, pelo clube paranaense como principal reforço para o segundo semestre. Incomodado com um questionamento sobre os motivos para a escolha do ex-jogador do Manchester City, que teria rejeitado “grandes clubes” para voltar ao Furacão depois de 17 anos, o dirigente distribuiu críticas a diversas equipes do país, principalmente ao Santos, a quem julgou hoje ser inferior ao Athletico.

Assine #PLACAR digital no app por apenas R$ 6,90/mês. Não perca!

“Veja, primeiro eu vou responder parte da pergunta do Fernandinho”, iniciou Petraglia. “Para mim desconforta muito ouvir que ele teve ofertas de clubes grandes. O nosso clube é grande. Ele optou por um clube grande e todo o projeto que hoje representa o Athletico-PR. Posso dizer de boca cheia porque estou aqui há muitos anos prometendo coisas, muitas vezes sendo alvo de risos e deboches, mas ele ficou pelo projeto”, disse o dirigente.

“Não tem nenhum projeto [maior], façam uma análise do Rio Grande [do Sul] ao Nordeste, para não falar no Norte do Brasil. Vejam se há algum projeto com a visibilidade maior que a do Athletico-PR. Pegue os dois gaúchos, endividados. Problema deles, não temos nada com isso e não me compete analisar, mas fazemos o benchmarking de todos os clubes, todos os anos, todos os balanços. O Paraná, não vou falar de nossos coirmãos. Pulei Santa Catarina porque não tem representatividade de clubes grandes”, completou.

Petraglia afirmou que, mesmo em São Paulo, somente o Palmeiras conseguiu manter o seu padrão salarial alto pelo fato de contar com o aporte da Crefisa. Além do Santos, apontado como “quebrado” por ele, Corinthians e São Paulo foram mencionados como outros clubes com dificuldades. Também sobraram críticas aos times do Rio de Janeiro e de Minas Gerais.

Continua após a publicidade

“Vai para São Paulo, falar em Santos? O Athletico passou o Santos de trator. Não passou naquilo, e vocês tem consciência, que leva anos, décadas, que é a formação de torcida. Mas no resto? O que o Santos significa perto do Athletico-PR? O Santos não tem teto, baixou o seu teto porque está quebrado. Entendeu? O Corinthians baixou porque está com problemas, o São Paulo. Tanto que o Daniel [Alves] saiu de lá”, afirmou.

“Quem mantém o teto alto é o Palmeiras, que ainda mantém pela mecenas que tem. A Leila quer ser campeã do mundo porque tem uma piada, um meme, e ela quer quebrar isso. E vai pelo Rio de Janeiro: Fluminense, Flamengo, Botafogo e Vasco. Para Minas Gerais, depois esqueça o resta. Não há projeto maior do que o nosso. Se tivermos competência de realizar o programado, vocês verão realmente que não é uma falácia. É uma realidade dos fatos. Nós nos preparamos para isso, ajudamos na mudança da lei para ter o direito do mandante. Isso é uma frase que copio do Fernando Collor de Mello: o tempo é senhor da razão”, acrescentou.

Fernandinho assinou contrato até dezembro de 2024. O jogador de 37 anos, que passou quase duas décadas no futebol europeu, ganhou a camisa 5 e volta ao clube em que foi revelado em 2003 antes de ser negociado com o Shakhtar Donetsk, em 2005.

O meio-campista ficou na Ucrânia entre 2005 e 2013, quando chegou ao City para solidificar uma longeva passagem pelo clube inglês, boa parte dela como titular e elogiado publicamente pelo técnico Pep Guardiola. Pela seleção brasileira, disputou as Copas de 2014 e 2018 realizando 53 jogos, com dois gols marcados.

Assine o Amazon Prime e garanta 30 dias grátis de acesso ao Prime Video e outras vantagens

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

MELHOR
OFERTA

Digital no App

a partir de R$ 9,90/mês

Impressa + Digital no App

a partir de R$ 12,90/mês