Clique e receba em casa a partir de R$ 14,90/mês
Paulo Cezar Caju

Digam vocês: o que mais te irrita no futebol atual? A bola segue murchando

Não suporto análises da pior geração comentaristas, ver o Cruzeiro de verde, goleiro que finge contusão, treinadores enganadores e VAR mal aproveitado

Por Paulo Cezar Caju Atualizado em 27 set 2021, 12h59 - Publicado em 27 set 2021, 12h58

Agora chegou a minha vez de perguntar! Chega de me enviarem enquetes, desafios, me abordarem na rua com questões diversas, me entupirem de questionamentos. Respondam-me: o que mais te irrita no futebol atual? São tantas que não saberia dizer. O comentarista afirma que para vencer o Flamengo é preciso marcar um gol no primeiro tempo. Ou seja, o rubro-negro não tem time para reverter um placar. A geração de comentaristas é a pior de todos os tempos, sem dúvida! Por falar nisso, amigos da coluna me enviaram algumas expressões ditas por eles. Vai aí!

Assine a revista digital no app por apenas R$ 8,90/mês

O parceiro Walter Duarte ouviu um deles falar que “tal jogador coloca pressão na bola”. Tem que tomar cuidado pra não estourar! Kkkkk! O Sergio Roberto Souza lembrou de uma clássica: “O time gosta de jogar com a bola”. E quem não gosta? Teve também o Vicente Francisco lembrando que um desses doidos inventou a “descompactação obstrutiva do campo adversário”. Não entendi nada! Ainda separei uma que ouvi ontem: “Os laterais apoiam para alargar o campo”. Deixa pra lá…

Alguém me explique o Cruzeiro, em casa, jogando de verde e o CSA de azul. Também me irrita o goleiro que faz uma defesa e alega contusão. O jogador que recebe uma braçada no ombro e cai como se tivesse sido no rosto. Me irrita o técnico que após o seu time levar um gol busca explicações no mini tabuleiro de botão. Me irrita o jogador que dá entrevista no intervalo dizendo “vamos ver o que o professor tem para nos dizer”.

  • Me irrita o jogador que já cai no chão retirando a chuteira, como se fosse um caso de hospital e depois levanta-se e joga normalmente. Me irritou profundamente o lateral Léo Matos, do Vasco, que em três cobranças de lateral arremessou todas para o seu próprio campo de defesa. Me irrita o goleiro que não sabe sair jogando. Me irrita massagistas, gerentes de futebol, preparadores físicos e jogadores reservas serem expulsos e não serem advertidos pelo técnico o único que deveria reclamar.

    Fábio Carille, do Santos, e Felipão, do Grêmio, perderam feio, isso não me irrita, mas me irrita essa escola de treinadores que seguem nos enganando no futebol. Me irrita o VAR depois de tantos anos seguir provando que só no Brasil a tecnologia não sabe ser aproveitada. Tentei ser monge budista, mas essa é uma missão impossível. E comentaristas entendam que a bola não está viva, ela segue murchando devido aos maus tratos ao dominá-la, passá-la e tocá-la!

    Ainda não assina Star+?! Clique aqui para se inscrever e ter acesso a jogos ao vivo, séries originais e programas exclusivos da ESPN!

    Continua após a publicidade
    Publicidade