Placar

Assine!

Estaduais

Quatro clubes já foram rebaixados nos estaduais pelo Brasil

Cruzeiro e Paraíba, no Paraibano; Maracanã, no Ceará; e Potyguar Seridoense, no Potiguar, foram os primeiros rebaixados em 2013

Por: Lucas Mello - Atualizado em

O potyguar de currais novos foi rebaixado nesta quarta 27
O Potyguar Seriodense, de Currais Novos, foi rebaixado nesta quarta (27) | Crédito: Site oficial do Potyguar Seriodense

Com a Copa Nordeste pegando os principais clubes da região, os campeonatos estaduais tiveram as mais diferentes fórmulas nesse ano de 2013. Com isso, algumas equipe já sofrem com o rebaixamento para a edição de 2014.

Um dos casos é no Ceará, em que as equipes chegaram à última rodada da primeira fase. Com 10 pontos em 15 partidas, o Maracanã já está rebaixado para a temporada 2014. O clube já não pode alcançar mais o Crato, primeira equipe fora da zona de rebaixamento, com 14 pontos em 15 jogos. Outra equipe que pode ser rebaixada é o São Benedito, que tem 11 pontos em 15 jogos, e ainda pode ultrapassar o Crato.

Na Paraíba, faltando uma rodada ainda para o término da primeira fase, Paraíba e Cruzeiro já estão rebaixados. Com oito clubes jogando entre si em turno e returno, a primeira fase possui 14 rodadas. Com 13 já disputadas, Cruzeiro (7 pontos) e Paraíba (8 pontos) já caíram, visto que a primeira equipe fora da zona de rebaixamento, o Nacional de Patos, possui 14 pontos e não pode ser alcançado.

Por fim, o Potyguar Seridoense foi rebaixado no Campeonato Potiguar nesta quarta (27). Ao término da primeira fase, disputada em turno e returno por oito equipes, o time ficou na última colocação, com nove pontos em 14 jogos. A outra equipe ameaçada era o Palmeira de Goianinha, que na última rodada tinha 11 pontos. Mas com a vitória de 2 x 1 sobre o Baraúnas, a equipe escapou da degola.

Veja como funciona o rebaixamento nos estaduais do Nordeste:

- Alagoas

Ao término da primeira fase com oito clubes, os quatro piores vão para um torneio da morte, em que a pior equipe é rebaixada. A segunda pior equipe também pode ser rebaixada, mas depende de ASA e CRB. Caso essas equipes, que só disputam o hexagonal final, ficarem na sexta e úlima colocação, esse time tem que disputar contra o segundo pior do torneio da morte, em duas partidas, contra o rebaixamento.

- Bahia

Ao término da primeira fase, com nove clubes, caem os dois piores para a segunda divisão.

- Ceará

Ao término da primeira fase, com nove clubes, caem os dois piores para a segunda divisão.

- Maranhão

Clubes do estado não disputam a Copa Nordeste, e torneio estadual ainda não começou.

- Paraíba

Ao término da primeira fase, com oito clubes, caem os dois piores para a segunda divisão.

- Pernambuco

Nesse estadual, a primeira fase não tem valor para o rebaixamento. Na segunda, com as 12 equipes participantes, as oito piores disputam um octogonal da morte, em que as duas últimas equipes são rebaixadas.

- Piauí

Clubes do estado não disputam a Copa Nordeste, e torneio estadual ainda não começou.

- Sergipe

Primeira fase não tem valor para o rebaixamento. Na segunda fase, disputada por 10 partidas, as duas últimas são rebaixadas.

- Rio Grande do Norte

Ao término da primeira fase, com oito clubes, o pior cai para a segunda divisão.

Fonte: PLACAR