Blog do UFC

Blog do UFC

Por Redação Placar

Tudo sobre a principal divisão de MMA do mundo

 

Sonnen segue rotina de provocações e escreve poema para Anderson Silva

Por Redação Placar 15/09/2010 - 8h35

Foto: Josh Hedges

Foto: Josh Hedges

Chael Sonnen não para. Mais uma vez ele soltou sua língua afiada para provocar Anderson Silva e recitou um poema para o brasileiro, que será seu adversário em uma revanche pelo cinturão dos pesos médios do UFC, o torneio de MMA mais importante do mundo.

Na poesia, Sonnen fez questão de lembrar o domínio que teve na primeira luta entre eles, ocorrida no dia 7 de agosto, em Oklahoma, válida pelo UFC 117.

Os versos escritos por Sonnen mostram exatamente o que aconteceu na primeira luta entre eles. O norte-americano estava perto de impor a primeira derrota a Anderson no UFC, mas vacilou nos instantes finais depois de dominar a luta por quase 25 minutos.

Anderson encaixou um triângulo de perna, e Sonnen tocou para parar a luta quando faltava pouco mais de um minuto para o fim. Posteriormente, Sonnen falou que já derrubou o mito e que faltaria o homem, prometendo que isso aconteceria na revanche.

Dessa vez, Sonnen garante que não deixará o “deslize” acontecer de novo. E assim como na primeira luta, ele vem usando constantes provocações.

A revanche entre eles ainda não tem data para acontecer. O presidente do UFC, Dana White, já aceitou a realização de uma nova luta, mas, para isso, Anderson Silva precisa estar recuperado de uma fratura na costela que o atrapalhou no UFC 117. Espera-se que o combate aconteça no dia de Ano-Novo, no UFC 125, em Las Vegas.

Confira o poema feito por Sonnen a Anderson Silva:

Anderson, leve isso a sério
Ainda faltam alguns meses antes de eles fecharem a porta da jaula para mim e você
Da última vez, eles levantaram a sua mão
Mas foi fácil ver
Que eu tirei muito mais de você que você tirou de mim
Eu quebrei o espelho e afastei a fumaça
Fui eu que toquei
Mas foi você que se quebrou

Comente!

Copyright © 2012, Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados.